ago 27 2016

Simulador de Financiamento – Minha Casa Minha Vida

  • Autor: admin em Dicas
  • Sem Comentários. Seja o primeiro a comentar.
O programa Minha casa, minha vida do governo federal, facilita a compra de uma casa própria, permitindo pessoas com várias faixas de renda a financiar os imóveis com juros mais baixos do que os do mercado. O programa vem crescendo, o presidente interino, Michel Temer, anunciou a retomada de 10.609 mil unidades habitacionais do programa habitacional que estavam paralisadas, e a contratação de 40 mil unidades habitacionais da faixa 1,5.

As famílias que recebem até R$ 1.800 mensalmente, não pagam juros pelo imóveis. Quem recebe R$ 800, por exemplo, chega a pagar uma parcela de R$ 80.

Simulador de Financiamento

O Governo Federal criou um site que permite a simular o subsídio para comprar um imóvel pelo “Minha casa, minha vida”. A avaliação é feita pela internet, e os interessados podem emitir a Carta MCMV, com validade máxima de 60 dias, contendo o valor limite do benefício calculado de acordo com as informações preenchidas.

Para realizar a simulação, é necessário acessar o site Simula Minha Casa Minha Vida, informar dados pessoais como CPF, data de nascimento, nome completo e localização do imóvel.

Com a carta MCMV emitida, o cliente pode ir a uma agência do Banco do Brasil ou Caixa Econômica Federal mais próxima, para dar o início aos procedimentos de contratação do financiamento habitacional pelo programa. Além da carta, é preciso apresentar os documentos pessoais e do imóvel a ser adquirido. Os bancos realizam uma análise de crédito e, se aprovado, poderá adquirir o imóvel.

Simulador Financiamento - Minha Casa Minha Vida

Faixas de Financiamento

O programa é dividido em 4 faixas de financiamento:

  • Faixa 1: A modalidade produz empreendimentos habitacionais destinados às famílias com renda mensal bruta de até R$ 1.800. Os valores variam de acordo com a localidade, e o governo pode arcar com até 90% do valor do imóvel. Podendo ser pago em até 120 prestações mensais de até R$ 270, sem juros.
  • Faixa 1,5: É destinada a famílias com renda até R$ 2.600 (antes era R$2350) e oferece subsídios de até R$ 45 mil para financiamento de imóveis até R$ 135 mil, com até 5% de juros ao ano.
  • Faixa 2: O subsídio de até R$ 27.500, é destinado a famílias com renda entre R$ 2.601 e R$ 4.000. A taxa de juros varia de 5,5% a 7% ao ano.
  • Faixa 3: Esse financiamento, possibilita o acesso à moradia por meio de financiamento com recursos do FGTS, de famílias com renda bruta mensal acima de R$ 4.000,00 e até R$ 9.000, anteriormente o teto era R$6.500, mas foi aumentado pelo presidente Michel Temer, com taxas de juros até 8,16% ao ano.
TAGS:


DEIXE UM COMENTÁRIO

Subscrever

Subscreve o Blog



Publicidade

Comentários Recentes

  • Carlos André: Bom dia, sou Carlos Técnico em Meio ambiente, estamos usando o cimento Cauê CPII E 32 em nossa obra...
  • Marcos Antônio dos Santos: Quero ganhar uma antena
  • maria luiza moreira dias: quero participar desse quadro porque meu carro precisa de uma reformação
  • Regina lucia: Estou gostando dessa oportunidade que este cartao esta oferecendo pra nos
  • shirley Balazs: Parabéns!! Informações de utilidade publica e de primeira, foi muito útil a mim.Obrigada!!

Links

Leitores Recentes

VALE O CLIQUE!

Site Seguro Ocioso

Divulgue o blog Infomaroto em seu site e tenha seu link ou banner aqui.
Blog Infomaroto